Retrospectiva 2015

Desde que comecei na vida literária, 2015 foi o ano mais difícil que enfrentei. Autores partiram, bibliotecas e livrarias fecharam, as compras de livros diminuíram, programas de literatura foram cancelados... A lista é longa.

Mas isso não quer dizer que coisas boas não aconteceram. Vejamos a minha retrospectiva do ano:

- Fiz um curso de roteiro de série de TV com a Marcia Zanelatto.
- Escrevi e reescrevi histórias.
- Saiu o meu juvenil "Encontros Folclóricos de Benito Folgaça" (Editora do Brasil) com ilustras do Samuel Casal.
- Palestrei sobre direitos autorais na Unigranrio e na FIRJAN.
- Tive livros indicados e dei entrevistas para jornais, revistas e sites.
- Vi as ilustras muito lindas do meu novo livro que será lançado no ano que vem pela Cortez.
- Lancei dois livros (Motim das Letras, Globinho, e A Bola ou a Menina?, Melhoramentos) no Salão do Livro da FNLIJ.
- Estive em Diadema, Cubatão e Santos pelo Literatura Viva do SESI-SP.
- Participei da Primaverinha dos Livros no Rio.
- Arrumei meu canto de trabalho e agora tenho escrivaninha e cadeira antigas e muito maneiras.
- Fui eleito o sexto presidente da AEILIJ.
- Organizei com a Thais Linhares um debate sobre maioridade penal com nomes como Siro Darlan e Rosa Amanda Strausz.
- Aliás, trabalhei muito pela AEILIJ. Viajei e administrei a casa. Mas isso vale uma retrospectiva à parte.
- O Condomínio dos Monstros ganhou um teaser de série de TV e pode ir para as telinhas.
- Fechei livros com boas editoras para o ano que vem, um deles uma reedição do "Como pode um Pinguim no Polo Norte?" pela Bambolê. Tem ainda SESI-SP, Biruta, RHJ...
- Rolou a Bienal do Rio e fiquei preso no trânsito com a Anna Rennhack. Emoticon smile
- Fui um dos convidados da FELIT do Pedro II e do Livro Aberto da EDEM.
- Participei do programa Livro e Escritor do SESC e autografei 300 livros para as crianças de lá.
- Participei da Armação Literária de Búzios.
- Dei a oficina infantil "Quero Ser Autor" na rede de Bibliotecas Parque no Rio de Janeiro.
- Tive a alegria de ser convidado para a Feira do Livro de Porto Alegre onde palestrei e pude ver os trabalhos realizados a partir das minhas histórias.
- Frequentei seminários literários super interessantes do Conexão Leitura + MBL + SME RJ.

Não lembro de tudo o que rolou em 2015. Mas isso daí já mostra que não foi um ano perdido. Que 2016 seja ainda melhor, apesar da crise.

0 comentários:

Postar um comentário