Armação Literária de Búzios


Amanhã uma van literária levará alguns autores de LIJ para um dia divertido em um balneário fluminense. Para nós, a Armação Literária de Búzios começará com um longo bate-papo informal, onde falaremos sobre livros, editoras, extinção de editoras, futuro do mercado, técnicas de escrita, manias, histórias, folclore, escolas, bibliotecas, livrarias, autores que admiramos... Tudo isso sob a supervisão de um ar- condicionado refrescante. Talvez uma parada para um café e um bolo de laranja no caminho. Pode ser de chocolate também.

No carro estarão Marilia Pirillo, Thais Linhares, Cris Alhadeff, Luis Eduardo Matta, Cristina Villaça, Flávia Côrtes, Andrea Viviana Taubman, Patrícia Melo, Flávio Dana, Anna Rennhack, Fabio Maciel, Denise Souza e eu, Alexandre de Castro Gomes.

A festa da LIJ começa no caminho para Búzios!

Ainda não conhece a programação da AEILIJ na Armação Literária? Então toma!

Dia 09 de outubro (Praça Santos Dumont, Centro):
14h - O folclore, os mitos e as diferentes tradições culturais na literatura: 
os escritores Alexandre de Castro Gomes (Folclore de Chuteiras), Cristina Villaça (O Rapaz que Casou com a Sapa) e Flávio Dana (Godofredo, o Craque) contam histórias e falam sobre a importância do resgate e da valorização da cultura popular em todas as suas manifestações.
15h - Ingredientes do Mistério: 
o escritor Luis Eduardo Matta, autor da conhecida coleção “Os Caça-Mistérios”, bate um papo sobre contos de mistério na literatura juvenil.
15h30 - Literatura Fantástica - mitos, seres e lendas:
as escritoras Thais Linhares (Vovó Dragão) e Flávia Côrtes (O Portal das Fadas) falam sobre mitos, lendas e seres fantásticos na literatura para crianças e jovens.
16h - Duelo de Ilustração:
as ilustradoras Thais Linhares, Patrícia Melo, Marilia Pirillo e Cris Alhadeff fazem uma performance desenhando dragões, monstros e outros seres fantásticos.
16h30 - Pontes de letras: a escritora e ilustradora Marilia Pirillo (A velha história do peixinho que morreu afogado) e Andrea Viviana Taubman (O menino que tinha medo de errar) falam da literatura como ponte para trabalhar os sentimentos e as emoções humanas.
17h - Mesa AEILIJ - Lendo Literatura na Escola:
com a participação de todos os autores, faremos um bate-papo sobre a importância da leitura literária na escola, com microfone aberto para perguntas e sessão de autógrafos.

Livros dos autores participantes serão vendidos no local.

0 comentários:

Postar um comentário